archive.php

Entenda o que é o treino funcional!

O treino funcional tem ganhado cada vez mais adeptos dentro das academias. Essa prática é uma ótima alternativa, pois possibilita que alunos de todos os níveis de condicionamento físico, realizem exercícios dentro de suas possibilidades individuais. 

Com o treinamento funcional, é possível trabalhar os músculos de forma integrada e utilizar os movimentos naturais do corpo para melhorar a resistência, capacidade cardiorrespiratória, força, coordenação motora e agilidade do aluno. Para entender melhor sobre esse tipo de exercício, convidamos você a ler o conteúdo até o final.

O que é o treino funcional? 

O treinamento funcional teve início na reabilitação física e tinha como foco a recuperação de pacientes após uma lesão. A partir disso, o uso de exercícios específicos foi  desenvolvido e levado para dentro das academias, deixando de ser restrito a pacientes em recuperação. 

Nas academias, existem diversos aparelhos que trabalham grupos musculares específicos, sem que o praticante precise pensar muito para realizar o exercício. No caso do treino funcional, são utilizados alguns acessórios e o peso do próprio corpo, apresentando uma complexidade maior na hora da execução.

Assim, as ações do treinamento funcional se baseiam nos movimentos naturais realizados pelo corpo, como agachar, correr, saltar e pular. Dessa forma, podemos dizer que esse tipo de treino possibilita um desenvolvimento corporal mais homogêneo. 

Quais os exercícios fazem parte deste treinamento? 

Como dissemos no início, qualquer pessoa pode praticar o treino funcional, mas é importante o acompanhamento de um profissional. Assim, ele poderá indicar e acompanhar quais séries são mais indicadas para cada aluno. Para os iniciantes, os exercícios funcionais podem ser, gradativamente, inseridos em uma série regular de musculação. 

É possível começar a trabalhar o centro do corpo e depois inserir treinos de bases instáveis. Eles melhoram a reação do corpo com relação a uma adversidade, melhorando a coordenação e a propriocepção. Os exercícios mais comuns são: agachamento, polichinelo, afundo, prancha escalador, prancha tocando o ombro, flexão, corrida estacionária e abdominal. O ideal é que eles sejam realizados movimentando várias articulações ao mesmo tempo, com foco nos grupos estabilizadores do quadril, coluna e ombro. 

Dessa forma, podemos perceber que o treino funcional é uma modalidade bem completa, que pode lhe ajudar a conquistar seus objetivos mais rapidamente. Contudo, antes de iniciar qualquer prática esportiva, faça uma avaliação com um profissional de Educação Física e entenda quais os exercícios mais indicados, conforme suas metas e histórico.

Gostou do nosso conteúdo? Tem alguma dúvida? Deixe o seu comentário no post.

Quais os benefícios do Yoga?

Mais do que um exercício, o yoga é uma filosofia de vida, que promove a união e conexão trazendo boas sensações ao corpo e à mente. Essa técnica foi criada para expandir a consciência dos seus praticantes e o seu principal objetivo é fazer com que as pessoas se conectem com sua essência, por meio da respiração, meditação e postura. 

Além de ser uma atividade que beneficia a saúde mental, essa prática também traz benefícios para a saúde física, como tratamento de doenças, alívios de dores e reeducação respiratória. Para entender melhor sobre o tema, leia o conteúdo até o final. 

Como surgiu o Yoga? 

Há mais de 5 mil anos nascia o Yoga na Índia. Seu criador, Shiva, criou a modalidade de modo instintivo, executando movimentos complexos e que são replicados até hoje. Yoga é derivado da palavra em sânscrito, “yuj”, que significa unir-se. 

Assim, a prática do Yoga pretende unir os aspectos mundanos com os divinos, deixando a vida mais equilibrada. A prática propõe a reeducação respiratória, administração do estresse e técnicas que trabalham o tônus muscular e a flexibilidade, que são atividades que fomentam o aprimoramento da descontração emocional e concentração mental. 

Quais os benefícios do Yoga? 

A prática do Yoga tem o objetivo de ser um instrumento de transformação do mundo. Além disso,  ela promove benefícios na vida dos praticantes. Ou seja, os resultados são apenas consequências de uma filosofia de vida saudável.  Seus conceitos promovem uma reeducação comportamental, que melhoram os demais aspectos da vida. Confira alguns benefícios. 

Controle da ansiedade e estresse

A prática do Yoga ajuda no controle da ansiedade e do estresse. Ela ajuda nesse sentido, pois faz com que o aluno se concentre no presente, por meio da respiração, desocupando a mente e melhorando o equilíbrio emocional. Além disso, o método promove o relaxamento e aumenta a concentração, fazendo com que os alunos se sintam muito mais seguros e confiantes, para lidarem com as adversidades do dia a dia e se concentrarem no estudo ou trabalho.

Ganho no tônus muscular e melhora da postura 

O Yoga também desenvolve a musculatura e melhora a postura, com os movimentos propostos em aula. Esses movimentos trabalham a contração muscular, aumentando a força e deixando o indivíduo mais flexível e consciente sobre o seu corpo. Com alongamentos e a correta execução dos movimentos, é possível melhorar dores na coluna e nas costas, por exemplo. 

Desenvolvimento de todas as áreas da vida 

Como explicamos, o Yoga é uma filosofia que expande sua presença para todas as áreas da vida do praticante. Assim, a técnica desenvolvida nas aulas promove a qualidade de vida, melhora as relações humanas e propõe o desenvolvimento em todas as áreas, tanto pessoal quanto profissional.

Sabemos que nossos hábitos diários, como acordar, se alimentar, trabalhar e dormir estão cada vez mais automáticos. Por isso, a prática do Yoga busca quebrar esses ciclos viciosos, permitindo que os praticantes conheçam melhor a si mesmos.

Portanto, podemos concluir que praticar o Yoga é uma excelente forma de cuidar da saúde. Afinal, o método convida o praticante a mudar gradativamente os seus hábitos por meio do autoconhecimento. Se você se interessou pelo assunto e quer conhecer melhor a técnica, a Monday Academia oferece aulas. Acesse nosso site e saiba mais!

5 dicas para o emagrecimento saudável no verão

Ah, o verão! O verão chegando e você já não vê a hora de colocar sua roupa de banho favorita e curtir o sol, o mar, a praia e tudo o que tem de melhor nessa vida? Mas aí você para, se olha e se dá conta de que está um pouco acima do peso do que no último verão e logo desanima? Calma, porque o nosso post de hoje é perfeito para você! Hoje, iremos trazer 5 dicas de emagrecimento saudável no verão que irão te fazer secar, ter resultados incríveis e o melhor de tudo? Sem trazer nenhum prejuízo à sua saúde ou corpo! Vale a pena conferir, porque o post de hoje está imperdível!

Antes de começarmos, é importante salientar que não existe nenhuma dieta ou remédio milagroso que irão te fazer secar do dia para a noite. Em suma, para um emagrecimento saudável, é necessário a soma de três fatores: uma boa alimentação, prática regular de atividade física e repouso. Por isso, saia correndo se te prometerem o mundo sem esforços, ok? No entanto, seguindo essas dicas básicas, é possível sim um emagrecimento saudável no verão e conquistar o corpo dos sonhos.

1.    Coma bem!

Basicamente, uma boa alimentação é crucial no processo de emagrecimento. É imprescindível se alimentar com vitaminas e nutrientes de que o corpo precisa, só assim ele poderá funcionar de forma adequada. No entanto, deve-se criar uma rotina alimentar que lhe permita gerar um desequilíbrio, onde você deverá gastar mais calorias do que as consumidas. Neste quesito, o verão é um ótimo aliado. Já que as altas temperaturas, tendem a nos deixar com menos apetite.

De acordo com nutricionistas e endocrinologistas, para emagrecer, você deve se alimentar bem todos os dias. E isso não quer dizer que pode comer tudo o que ver pela frente ou sentir vontade. É recomendável realizar refeições com qualidade. Ou seja, frutas, legumes, verduras, vegetais, fontes de gordura boas, proteínas magras, fontes de fibras, folhas e carboidratos (que mantenham a produção de insulina estável) devem estar presentes no cardápio.

No geral, os alimentos industrializados, doces, refrigerantes, bebidas alcoólicas, açúcares e carboidratos densos, devem ser evitados. Já o consumo de sódio, deve ser moderadamente controlado e preferencialmente diminuído.

Confira a seguir, outras dicas que irão potencializar o seu emagrecimento rápido no verão:

  • Evite tomar líquidos enquanto se alimenta;
  • Diminua o tamanho das porções;
  • Mastigue bem os alimentos;
  • Descanse os talheres no prato enquanto mastiga (isso dá tempo ao nosso cérebro para entender a saciedade);
  • Evite fastfoods, alimentos industrializados e processados;
  • Coma a cada 3h;
  • Troque alimentos fritos por assados, cozidos ou grelhados;
  • Utilize temperos caseiros e ervas no lugar de temperos prontos;
  • Substitua pães, biscoitos, massas e arroz branco ou refinado pelos integrais.

Embora o emagrecimento saudável no verão pode ser sucesso com pequenos ajustes na rotina e alimentação, mais importante do que se alimentar, é saber o que, como, quanto e quando comer. E acredite, são pequenas dicas como essas, que fazem toda a diferença.

2.    Faça Jejuns

Caso esteja tudo certo com a sua saúde, você se sinta bem e o seu médico libere, você pode encaixar o jejum na sua rotina. Sem sombras de dúvidas, você já deve ter ouvido falar sobre o Jejum Intermitente. A prática é muito conhecida e várias famosas como Jennifer Lopez e Paolla Oliveira são adeptas. Basicamente, o método consiste em intercalar períodos de jejum com períodos de alimentação. Em síntese, seu objetivo principal é fazer com que o corpo utilize as reservas de gorduras armazenadas. Desta maneira, acaba promovendo um emagrecimento rápido e saudável.

Basicamente, as maneiras mais conhecidas e praticadas do jejum intermitente são:

  • Jejum de 12 horas, onde o praticante fica 12 horas sem comer, incluindo o período do sono, podendo se alimentar nas horas restantes;
  • Sistema Leangains, onde o praticante fica até 16 horas sem se alimentar, fazendo de 2 a 3 refeições nas 8 horas restantes;
  • Protocolo Eat-Stop-Eat (Coma-Pare-Coma), neste módulo, o praticante escolhe um ou dois dias na semana e fica em torno de 24 horas sem se alimentar.

É importante ressaltar que no caso do jejum intermitente, os períodos em que a alimentação é permitida (janelas de alimentação), deve-se realizar refeições seguindo os critérios do tópico anterior. Desta forma, você garantirá um emagrecimento saudável no verão e conquistar um corpo de dar inveja.

Você pode inclusive fazer exercícios nos períodos em que estiver de jejum. Por exemplo, você pode realizar exercícios aeróbicos depois de acordar e só depois tomar o café da manhã como de costume. Essa prática é muito comum, estimula e acelera a queima de gordura.

3.    Caminhe ou pratique atividades físicas regularmente

Outra dica fundamental super importante para o emagrecimento rápido no verão é praticar atividades físicas regularmente. De acordo com os educadores físicos, quando se faz apenas dieta e não malha ou faz qualquer exercício físico, não tonifica os músculos e consequentemente pode ficar flácida. Por isso, para quem quer perder peso rápido, os exercícios são indispensáveis.

Além do mais, a pratica regular de atividade física, acelera o metabolismo, o que por sua vez promove a queima de calorias. Para os educadores físicos, a combinação indicada para quem quer emagrecer se faz através de dois tipos de exercícios, sendo eles: o aeróbico e o anaeróbico. Os exercícios aeróbicos melhoram o condicionamento físico. Já os anaeróbicos são mais eficientes na queima de gordura e caloria.

Você pode escolher atividades que lhes são prazerosas e já que está chegando o verão, caminhar, andar de bicicleta ou correr na orla da praia pode ser uma ótima opção. Bem como, aproveitar momentos de descontração para dançar, se divertir e ainda potencializar o emagrecimento. Dito isso, não deixe de inserir em sua rotina uma atividade física que lhe proporcione prazer. O importante é se movimentar e gastar calorias!

4.    Tenha foco

Sabemos o quanto pode ser difícil mudar toda uma rotina e passar por uma reeducação alimentar. Você pode ter muitas dúvidas, se continua, para ou se desiste do seu projeto de emagrecimento rápido no verão. Embora você ainda consiga se alimentar bem ou praticar exercícios durante a semana, ao ser convidado para uma festa, é difícil se conter diante de tantas tentações. E tudo bem, isso é completamente compreensível e todas as pessoas que passaram ou que estão passando pelo processo de emagrecimento, já estiveram nessa mesma situação. Mas sabe o que elas tinham em comum que as fizeram ter sucesso? Foco!

Isso mesmo, foco! Na situação citada acima, você não precisa ter a comida como a principal atração da festa. Desvie os seus pensamentos da próxima porção que será servida e evite comer de tudo o que ver pela frente.

Ao se alimentar, tente escolher alimentos saudáveis e faça as escolhas corretas. Tenha prazer em apreciar cada prato escolhido e não foque no que vem a seguir. Agora, se você tem certeza que será muito difícil resistir as tentações e que não conseguirá se controlar, uma dica é realizar um lanchinho saudável antes de sair de casa. Assim, você já estará satisfeita e não ficará tão disponível para os alimentos vilões do seu emagrecimento. Além disso, aproveite o momento para se divertir, conhecer novas pessoas, conversar, dançar e ser feliz.

Já quando for ao mercado, tenha em mãos uma lista com todos os alimentos que irá comprar. Desta forma, você evita comprar alimentos que não são nada saudáveis e benéficos para a sua saúde. Segundo estudos, quando vamos ao supermercado com fome, acabamos por fazer péssimas escolhas e a comprar alimentos prejudiciais a saúde. Portanto, vá ao supermercado sempre depois de uma refeição.

5.    Beba mais água

Em síntese, a quantidade correta de água indicada, varia muito do peso corpóreo e do cotidiano de cada pessoa. Porém, a média indicada fica entre 2 e 3 litros de água por dia. E já que estamos falando de verão, o consumo deve ser um pouco maior nessa época do ano, visto que o calor nos faz desidratar mais rápido.

É de senso comum que consumir água durante o dia é fundamental para manter uma boa hidratação. Tendo como consequência uma pele mais bonita, firme e jovial. Todavia, você sabia que beber bastante água ou líquidos pode te ajudar a emagrecer mais rápido?

Isso mesmo, quando bebemos água nosso organismo funciona melhor, nosso metabolismo acelera, nosso corpo diminui o inchaço, queimamos calorias mais rápido, promove a melhora no funcionamento intestinal e renal. Logo, além de fazer muito bem para a sua saúde no geral, ainda te ajuda a perder peso. E tem coisa melhor do que tomar um copo de água bem gelado no verão?

Além disso, uma outra forma de promoter o emagrecimento saudável no verão, é investir em alimentos e bebidas diuréticas. Em suma, essas bebidas e alimentos ajudam a reduzir a retenção de líquidos e promove a redução de sódio na dieta. Uma vez que consumir mais água, irá te fazer desinchar e consequentemente perder peso. Vale ressaltar, que o consumo de água faz emagrecer não por perder gordura corporal, mas sim por perder os líquidos retidos.

Outra dica, é investir em chás e alimentos com propriedades termogênicas, como gengibre, chá de hibisco, chá verde, chá de canela, chá branco e muitos outros. Você encontra uma variedade de chás para emagrecer super fáceis, práticos e muito gostosos. Vale a pena investir.

Por fim, coloque todas essas dicas em prática e conquiste um emagrecimento saudável no verão.

A importância das aulas coletivas na academia

Sem sombras de dúvidas, praticar exercícios físicos é a melhor opção para quem deseja ter um corpo definido e a saúde em dia. E embora a ideia de ir à academia possa ser muito prazerosa para algumas pessoas, para outras nem tanto. Por isso, se você é daquelas pessoas que precisam se exercitar, mas que não curtem muito a monotonia de alguns treinos, as aulas coletivas na academia é perfeita para você.

Logo, se você quer estar por dentro do que são, como funcionam e como melhorar o seu dia a dia nos treinos, descubra a seguir tudo sobre aulas coletivas na academia. Além é claro, do porque ela pode ser a solução perfeita para você que busca pelo corpo ideal, melhorar a saúde ou perder peso de forma rápida e eficiente.

O que são aulas coletivas na academia e porque são efetivas?

Sendo autoexplicativas, as aulas coletivas na academia, nada mais são do que aulas ministradas por um profissional competente em grupos. Onde, englobam uma série de movimentos e exercícios pré-determinados que podem ou não serem repetitivos. Em suma, essas aulas podem ser compostas tanto por um treino com exercícios aeróbicos, como por movimentos de dança e coreografias.

Vale ressaltar que esse tipo de aula é toda ministrada de uma forma dinâmica e muito divertida. Logo, você pode participar dessas aulas com um colega de trabalho, com o crush do momento ou com a melhor amiga. Dito isso, alguns exercícios – que para muitos podem ser vistos como chatos ou monótonos – são transformados em treinos divertidos e prazerosos. Mas é claro, que tudo isso sem deixar de aproveitar e usufruir de todos os benefícios de estar em uma academia.

Desta forma, as aulas coletivas se tornam mais eficientes por fazer com que seus participantes se sintam ainda mais motivados e empenhados durante as aulas ministradas. O que por sua vez, ajuda a potencializar ainda mais os exercícios e movimentos, deixando-os assim, mais próximos de seus objetivos.

Como funcionam as aulas coletivas?

Assim como dito anteriormente, as aulas são ministradas por profissionais competentes dos mais variados ramos. Podendo incluir desde profissionais de educação física, quanto professores experientes de dança ou luta, entre outras modalidades. Embora possam existir uma variedade estilos e tipos de aulas coletivas, no geral elas são compostas por:

  • Um grupo de alunos diversos;
  • Música animada;
  • Muito ritmo;
  • Movimentos que podem ou não serem repetitivos;
  • Muita energia e motivação.

Ah sim, e não podemos esquecer de mencionar que, você irá suar muito, dar muitas risadas e se divertir queimando calorias!

Ok, sei que você já se animou até aqui. Mas calma, que os benefícios das aulas coletivas na academia estão só começando, digamos que esses foram apenas alguns “spoilers”. Por isso, confira a seguir, alguns exemplos e benefícios das aulas coletivas na academia que irão te animar a se matricular ainda hoje!

Exemplos de aulas coletivas que possam ser oferecidas na academia

Antigamente, quando se falava em aulas coletivas, as pessoas logo pensavam nas aulas de dança ou jumping. Todavia, com o passar do tempo e com a evolução dos estudos do mundo fitness, não são somente as aulas de danças que hoje podem ser ministradas em grupos. Sendo possível encontrar uma variedade de modalidades que agradam a todos os gostos, variando desde treinos aeróbicos à intensos e/ou dedicados ao fortalecimento muscular.

A seguir, confira uma lista com algumas modalidades que você pode praticar na academia em aulas coletivas:

  • Dança, como zumba, ritmos e outros ritmos. Conheça também os 5 benefícios da dança para emagrecer! 
  • Lutas, como por exemplo, muay thai, boxe e jiu-jitsu;
  • Ginástica, treinos funcionais e aeróbicos;
  • Jumping;
  • Spinning e muito mais.

As opções acima, permitem inclusive que crianças, gestantes, idosos ou pessoas com alguma limitação física possam participar dos treinos – sempre respeitando os limites de cada um. – Além disso, quando se treina em grupo, os dias de desânimo ficam de lado e mesmo que você não se sinte com vontade de ir à academia. Saber que você irá se encontrar com outras pessoas, acaba servindo como estimulante e motivação.

Benefícios imperdíveis das aulas coletivas na academia

Nem precisamos falar sobre o quanto é importante se exercitar e sair do sedentarismo, não é mesmo? A prática de atividades físicas não só é eficiente quanto ao preparo e condicionamento físico, como também é importantíssima na manutenção da boa saúde.

São inúmeros os benefícios que a prática regular de atividade pode proporcionar. No entanto, ao se matricular na academia, talvez você não se sinta muito motivado ao praticar os exercícios sozinho. O que por sua vez, pode influenciar negativamente na decisão de deixar de frequentar o ambiente. E é exatamente neste ponto que as aulas coletivas na academia contribuem positivamente.

A seguir, confira uma lista que criamos com os 5 principais benefícios das aulas coletivas na academia para que você possa potencializar ainda mais os seus resultados. Confira:

1.     Treino diversificado

Basicamente, as aulas coletivas podem ser de diversos tipos e segmentos, o que permite uma variedade de tipos de treinamento. Podendo variar desde treino aeróbico, treinamento HIT, dança, luta, treino funcional ou de força. Logo, não é difícil encontrar modalidades que são agradáveis a todos os estilos e gostos. Sendo assim, fica fácil encontrar uma modalidade que corresponda aos seus interesses e objetivos.

2.     Reduz o estresse do dia a dia

Por si só, praticar uma aula de ginástica ou dança já é o bastante para se sentir mais leve e descarregar o estresse diário. Haja vista que, a prática da atividade é agradável, estimulante e muito divertida.

Além disso, os exercícios estimulam a liberação de um hormônio conhecido como serotonina. Em suma, a serotonina é um neurotransmissor encontrado no sistema digestivo e plaquetas do sangue. E é este hormônio o responsável por regular nosso humor, apetite, sono ou ainda nossa temperatura corporal e o nosso ritmo cardíaco. Desta forma, a ausência ou a baixa produção do mesmo, pode nos deixar com mau humor, sintomas de ansiedade ou com dificuldades para dormir.

Assim, enquanto você pratica aquela aula dinâmica na presença dos seus amigos com uma música eletrizante e queima de calorias, você ainda libera hormônios que irão prolongar sua sensação de bem estar, melhorar seu sono, diminuir as chances de uma depressão e ainda aumentar a sua produtividade durante os dias de trabalho. Incrível, não? Mas tem muito mais, confira a seguir.

3.     Distração garantida

Além de proporcionar a sensação de bem estar prolongada pela liberação da serotonina, as aulas coletivas na academia são tão dinâmicas e animadas, que fazem com que os seus participantes se envolvam por completo nas aulas. Assim, proporcionam uma distração benéfica que os induz a se deixar levar e esquecer – ao menos momentaneamente – os problemas diários. E cá entre nós, quem é que vai estar pensando nos boletos a vencer, quando se está em uma aula de zumba ou lambada? Impossível!

4.     Proporcionam bons resultados

Sem sombras de dúvidas, quando o assunto é perda de peso ou ganho de massa, pode-se afirmar que, a frequência, a intensidade e os estímulos musculares variados são essenciais para obter bons resultados e atingir os objetivos finais estabelecidos pelo praticante. Logo, quando se consegue a compilação desses três fatores, fica muito mais fácil alcançar os objetivos.

E é por isso, que as aulas coletivas na academia podem ser a melhor opção para quem deseja obter resultados rápidos e eficazes. Isso porque, as aulas coletivas conseguem fazer esse compilado perfeitamente. Sendo tão dinâmicas e motivadoras que conseguem melhorar a frequência dos alunos às aulas. Já a presença de um profissional garante a intensidade e variedade de exercícios que conseguem estimular todos os grupos musculares. E assim proporcionam bons resultados para o aluno de acordo com os seus objetivos finais.

5.     Diversidade de perfis e disciplina

Outra característica fenomenal das aulas coletivas é a diversidade de perfis. No geral, os grupos de alunos podem ser compostos por diferentes perfis de pessoas, incluindo também públicos com limitações físicas, como gestantes, idosos e crianças.

Essa inclusão e variedade não somente possibilita a troca de experiências, como também estimula a socialização e a motivação mútua. Outra vantagem desse tipo de aula, é que, enquanto praticar atividades físicas solitárias possam ser determinadas com dias e horários flexíveis, as aulas coletivas são sempre nos mesmos dias e horários. O que por sua vez, faz com que seus participantes desenvolvam uma disciplina necessária para a obtenção de resultados eficientes e rápidos. Além é claro, de contribuir para o aumento do círculo de amizades e melhorar também a saúde emocional desses participantes.

Em conclusão, os bons resultados das aulas coletivas não somente melhoram e intensificam o processo de emagrecimento ou o ganho de força muscular, como também melhoram o sistema cardiorrespiratória, a saúde mental, aumentam a autoestima, melhoram a frequência cardíaca e estimulam a socialização.

Ademais, com tantas opções e variedades, fica fácil escolher uma modalidade que agrade a família toda. E desta forma, permite que todos possam usufruir dos benefícios da pratica regular de atividade física sem problemas.